Estou com sorte 😉

Separamos este artigo para você!

Por dentro do LAB: o #sextou dos inventores

Sexta-feira (31/1) de calor em Santos. Sensação térmica de 40 graus. Nos fundos do LAB Procomum, sob mesas que um dia foram usadas para servir refeições e agora servem de ateliê, aglomeram-se três computadores, bonecos, brinquedos, sucatas, madeiras e placas de arduino – um tipo de computador de bolso que serve para automatizar procedimentos simples. No cenário maker tropical, trabalham entusiasmados os dois promotores do GT Invenções e Traquitanas, Mauro Fecco, o Maurinho, e Daniel Nunes de Souza, o Dani, com Guilherme Kominami, do Mudalab, uma das mais bacanas iniciativas de educação tecnológica com atuação a partir da periferia de São Paulo.

Além da programação regular e dos projetos previamente divulgados, são esses encontros cotidianos que ampliam a riqueza de um laboratório cidadão. Naquela sexta-feira de calor, quem estava no LAB pôde se deliciar com as invenções que Gui, como ele gosta de ser chamado, trouxe para compartilhar, como uma “espécie de piano capacitivo sensível ao toque que amplifica som de objetos de metal”. A relação entre o LAB Procomum e o Mudalab começou no ano passado, quando Lara Nacht esteve em Santos. Depois disso, Dani e Maurinho retribuíram a visita ao ateliê do coletivo em São Paulo e, agora, explicam, estão nutrindo a ideia de um protótipo conjunto para se somar à caravana do GT Traquitanas.

De acordo com Marina Pereira, coordenadora do LAB Procomum, o “Mudalab é uma referência para nós na documentação de projetos e uso das redes. Compartilhamos também o mesmo ideal de democratizar o acesso à cultura maker.”

Clique aqui para conhecer mais sobre eles.

“É incrível o espaço do LAB Procomum, cheguei de São Paulo, um lugar caótico, e aqui encontrei a tranquilidade dessa casa e a oportunidade de trabalhar com pessoas de diferentes disciplinas. Essa é a grande riqueza, juntar pessoas de diferentes saberes em um ambiente bacana”, afirma Gui, demonstrando que nem o calor foi capaz de diminuir seu entusiasmo.

Traquitanas audiovisuais

Dani, do GT Invenções e Traquitanas, revela que tem planos ambiciosos para a parceria. “Hoje é somente a base para algo que estamos construindo. Já visitamos o Mudalab em São Paulo, estamos conhecendo uns aos outros para firmar uma parceria de projetos de inovação cidadã”.

O GT Invenções e Traquitanas trabalha na criação e produção de objetos lúdicos e interativos com peças recicladas ou de ferro-velho. A caravana acima citada é formada por um trem alegórico composto por vagões de diferentes vocações interativas: um é musical, o outro carrega brinquedos feitos de reutilização de materiais, outro plantas medicinais, e há mais dois sendo construídos, um de materiais de pintura e outro de circo. Além disso, o grupo também produz conteúdo audiovisual.

“Estamos criando com sucata cenários audiovisuais para animações, fábulas e musicais”, explica Dani.

Uma prévia das novas produções do grupo de trabalho é o vídeo Rolo Musical, que foi apresentado na apresentação dos projetos de 2019 do LAB Procomum.

Postar um comentário

parceiros
Neste momento esta rede social é restrita