Estou com sorte 😉

Separamos este artigo para você!

Edital Colaboradora Artes e Comunidades

Projeto do ​Instituto Procomum​, lança sua segunda temporada e abre chamada pública para seleção de 10 artistas, produtoras, fazedoras e sonhadoras

PERGUNTASFREQUENTES READ INENGLISH LEER ENESPAÑOL

 

Você acredita que a arte pode mudar o mundo?

Tem vontade de se aperfeiçoar como artista ou produtora cultural por meio de aulas, oficinas, mentorias, redes de contato e trocas com outros artistas, produtoras e fazedoras?

Tem necessidade de espaço para poder desenvolver seus projetos artísticos?

Gostaria de colaborar com outras pessoas e projetos, trocando conhecimentos e experiências?

Tem vontade de desenvolver um projeto artístico de impacto social e com ênfase territorial, promovendo assim um diálogo entre cultura, cidade e transformação social?

A Colaboradora – Artes e Comunidades, projeto do ​Instituto Procomum​, lança sua segunda temporada e abre chamada pública para seleção de 10 artistas, produtoras, fazedoras, sonhadoras que tenham interesse em:

1 – participar de um percurso formativo em artes e comunidades ao longo de ​dez meses​, sendo os três primeiros meses com ​atividades presenciais semanais​;

2 – formar parte de um ​laboratório cidadão​, o LAB Procomum, que o Instituto Procomum criou e mantém na cidade de Santos, SP;

3 – integrar um ​experimento educacional​ baseado em colaboração e processos abertos de criação coletiva;

4 – desenvolver ao longo de 06 meses no mínimo ​um projeto artístico​ na chamada Bacia do Mercado, centro de Santos (SP), região formada pelos bairros do Paquetá, Vila Matias e Vila Nova.

PASSO A PASSO

Serão selecionadas 10 artistas e/ou produtoras culturais de diferentes linguagens para um percurso formativo que trabalhará com quatro campos de desenvolvimento:

1. desenvolvimento artístico, com foco no fortalecimento estético e na ampliação de repertório;
2. produção cultural, com foco na capacidade de gerenciamento de carreira e projetos;
3. vivências territoriais, com foco em aspectos sociais, culturais e em diálogos pluriculturais;
4. processos colaborativos, com foco no convívio em coletividades e no cuidado;

Esse ​percurso formativo​ contará com ao menos dez módulos propostos pelo corpo docente do projeto, assim como por outras convidadas e seguirá as temáticas supracitadas. Nos três primeiros meses (Janeiro a Março), os encontros de formação serão semanais, com carga horária também aos fins de semana.

Ao longo do ano, cada participante trabalhará no desenvolvimento de um protótipo que deverá ser executado por no mínimo ​seis meses,​ tendo como território a Bacia do Mercado, os bairros que se encontram no entorno do LAB Procomum, na região central de Santos (SP), Brasil.

Para a definição do escopo e do plano de ação dos protótipos, as participantes contarão com a colaboração de outras selecionadas e de mentoras que farão o acompanhamento da experiência.

Cada participante selecionada receberá um ​apoio financeiro​ no ​valor total​ de ​R$ 3 mil ​para a viabilização de seu protótipo de artes e comunidades, em formato de pagamento que será especificado posteriormente em parceria com a coordenação do projeto Colaboradora. A ajuda de custo terá como contrapartida ​a execução da ação proposta​.

A Colaboradora – Artes e Comunidades trabalha com a concepção de que existem muitos recursos essenciais além do financeiro. Por isso, ao longo dos meses de participação na escola, as participantes selecionadas serão estimulados a estabelecer trocas não-monetárias entre si, o que será valorado por meio do uso de uma ​moeda social baseada em tempo​.

CORPO DOCENTE

O corpo docente da Colaboradora – Artes e Comunidades é formado por artistas, pesquisadoras, produtoras e gestoras com reconhecida trajetória no universo das artes e da cultura no Brasil e no exterior. Essas professoras também irão atuar como mentoras ao longo de todo o período da Colaboradora.

Para conhecer as professoras já selecionadas, clique neste ​link.

QUEM PODE PARTICIPAR?

Artistas e produtoras culturais de quaisquer localidades, idade, raça e gênero (desde que tenham disponibilidade de habitar a Baixada Santista no período de realização do projeto).

O QUE É A COLABORADORA?

A Colaboradora é uma plataforma de colaboração que congrega uma escola de formação livre a um ambiente criativo e coletivo de trabalho e experimentação. Realizada pelo Instituto Procomum, é inspirada no projeto “La Colaboradora”, programa do ecossistema de inovação social ​Zaragoza Activa​, na Espanha.

Para saber como foi a primeira edição da Colaboradora Artes e Comunidades acesse:

Para conhecer a edição da Colaboradora – Empreender e Transformar, acesse:

CLIQUE AQUI

QUANTO CUSTA A COLABORADORA?

O programa não prevê investimento monetário para quem for selecionada pela chamada pública. O valor mensal investido em cada estudante é de R$ 2 mil por mês (R$ 20 mil pelo programa completo), que será subsidiado pelo Instituto Procomum graças ao patrocínio de um fundo internacional. Esse valor contempla:

  • 03 meses de formação contínua e outros encontros formativos distribuídos ao longo do período de duração do projeto;
  • Visitas e vivências em espaços culturais e artísticos;
  • Acompanhamento de mentoras durante 06 meses, com volume de encontros presenciais e virtuais a ser definido posteriormente, com foco no desenvolvimento pessoal das participantes e na qualificação do protótipo;
  • Apoio financeiro para desenvolvimento do protótipo no valor de R$ 3 mil, com regras de pagamento a serem definidas entre a artista e a coordenação do projeto;
  • Acesso integral à infraestrutura do LAB Procomum: espaço de conhecimentolivre (com biblioteca, rádio e centro de mídia); sala de cuidados; sala de tecnologias (makerspace e hackerspace); sala colaborativa de trabalho; sala de reuniões; cozinha comunitária; espaço de permacultura urbana; praça de eventos e oficinas;
  • Equipamentos de usufruto comum que se encontram no LAB Procomum;
  • Participação no 2o Encontro de Culturas e Comunidades da Bacia do Mercado;

E QUAIS SÃO AS CONTRAPARTIDAS?

  • Se comprometer a respeitar os valores e as premissas do Instituto Procomum;
  • Estar presente em no mínimo 80% das atividades do percurso formativo;
  • Elaborar um protótipo de projeto artístico a ser executado durante 06 meses, no território da Bacia do Mercado;
  • Desenvolver o protótipo de modo que ele tenha impacto social e seja construído em colaboração com a comunidade local;
  • Desenvolver junto às outras selecionadas uma dinâmica de cuidados umas com as outras e com o espaço e outros frequentadores do LAB Procomum;
  • Doar ​pelo menos​ 04 horas mensais para o Banco de Tempo do projeto, colaborar com outros projetos e com o LAB Procomum;
  • Documentar e produzir mensalmente conteúdo sobre o processo;

COMO SERÁ A SELEÇÃO?

A seleção ocorrerá respeitando quatro etapas:

1. Análise das aplicações submetidas por uma comissão de seleção composta por convidadas externas e a equipe do Instituto Procomum;
2. Entrevista com grupo de pré-selecionadas a se realizar por uma banca formada pela equipe gestora da Colaboradora e eventuais parceiras do programa;
3. Publicação do resultado-final por email e pelos canais de comunicação do Instituto Procomum;
4. Reunião entre selecionadas e equipe gestora do projeto para assinatura do termo de aceite e demais esclarecimentos.

CRITÉRIOS DE SELEÇÃO

A comissão de seleção irá analisar as aplicações com base em critérios abaixo descritos, sendo 100 a pontuação máxima.

  • Compreensão da proposta (20)
  • Trajetória artística e cultural (20)
  • Capacidade criativa e relevância estética (20)
  • Disposição para a colaboração (15)
  • Capacidade de articulação e mobilização de Redes (15)
  • Diálogo e/ou interesse de pesquisa sobre o comum (10)

Importante destacar que em todos os projetos do Instituto Procomum há a premissa de fortalecer, principalmente, as ações e criações de mulheres (no plural), afrodescendentes, população LBGTQI+, indígenas e outras pessoas pertencentes ao que se convencionou chamar de populações sub-representadas.

ETAPAS DO PROCESSO SELETIVO

31/10 a 22/11​: período de inscrições no site pelo botão de inscreva-se
22/11 a 27/11​: Análise da comissão de seleção (eliminatória e classificatória)
02/12​: Divulgação das selecionadas na primeira etapa
03/12 a 10/12​:Realização das entrevistas com as candidatas pré-selecionadas
13/12​: Divulgação do Resultado Final
​16/12 a 20/12​: Assinatura do Termo de Aceite

CRONOGRAMA DE ATIVIDADES

17/01/2020 e 18/01/2020: Primeira imersão de Abertura da Colaboradora, realizada no LAB Procomum;
16/01/2020 a 31/03/2020: Realização do processo formativo com carga horária também aos finais de semana;
04/2020 a 09/2020: Desenvolvimento do protótipo de arte e comunidade, além de vivências, sessões formativas e ações colaborativas;
Setembro: 2o Encontro de Artes e Comunidades
​Outubro: encerramento da segunda temporada do projeto

SOBRE DIREITOS AUTORAIS

Todas as selecionadas nesta convocatória devem se comprometer a licenciar os conteúdos produzidos na e para a Colaboradora por meio de licenças ​Creative Commons​ (o tipo e perfil da licença podem ser discutidos com nossa equipe). Essa é uma exigência do Instituto Procomum – IP.

Postar um comentário

parceiros
Neste momento esta rede social é restrita