Estou com sorte 😉

Separamos este artigo para você!

Colaboradora: aberta chamada pública para artistas da Baixada

As inscrições para a quarta temporada da Colaboradora – Artes e Comunidades já estão abertas

A Colaboradora, a escola livre e colaborativa do IP, abriu chamada pública para a quarta temporada de Artes e Comunidades em evento no LAB Procomum (rua Sete de Setembro, 52. Vila Nova, Santos-SP) no dia 29/3, a partir das 18h30.

A atividade conta com apresentação musical de Daio, participante da terceira edição da Colaboradora – Artes e Comunidades e microfone aberto.

Serão selecionados 15 artistas para o programa, que terá duração de seis meses e contará com apoio financeiro para desenvolvimento dos projetos. As inscrições podem ser realizadas até o dia 20/4.

Para mais informações e inscrições, clique aqui. 



De volta ao território

Marina Paes, gerente de Educação do Instituto Procomum, conta que a quarta temporada da Colaboradora – Artes e Comunidades apresenta um desafio que é novo, mas não é desconhecido. “Temos agora a possibilidade de repensar como as artes e artistas podem realizar projetos no território da Bacia do Mercado. É algo que já realizamos, mas um desafio novo, após 2 anos de atividades majoritariamente à distância”, comenta.

Para ela, é nesses momentos que a arte e artistas podem criar situações e possibilidades para o reencontro e para repensarmos como queremos a volta das atividades culturais presenciais. “Para ela, em momentos como o atual, arte e artistas podem criar situações e possibilidades para experimentarem o reencontro e para repensarem como querem a retomada das atividades culturais presenciais. “As atividades artísticas e culturais ficaram prejudicadas por dois anos. A Colaboradora já é uma alternativa para os artistas, oferecendo recursos de produção em um cenário de agravamento das crises. Os protótipos com incidência territorial, podem refletir como será a volta dessas atividades. Entendo que nosso papel é também, o de buscar soluções de convívio e enfrentamento das crises”, comenta.

Postar um comentário

Neste momento esta rede social é restrita